Campanha de arrecadação de alimentos supera meta estipulada

Durante a semana do Projeto Matemática é Vida, os alunos do 2º ano do Ensino Fundamental 1, Barra, criaram a campanha “Matemática do Bem”, com o objetivo de arrecadar alimentos para o abrigo que acolhe crianças e adolescentes especiais, Lar Maria de Lourdes. As turmas do 1º ano também se envolveram na campanha, contando com a ajuda dos pais, responsáveis, familiares, vizinhos e dos demais alunos da Escola.

A meta estabelecida nessa campanha era 430 quilos, mas as turmas conseguiram superar esse número . Eles arrecadaram 914 quilos de alimentos e resolveram doá-los para mais instituições. Além dos alimentos, a campanha arrecadou 10 litros de leite, 18 litros de óleo, 5 litros e 900 ml de suco, 1 litro de desinfetante, 750 ml de vinagre, 4 pacotes de fraldas, 2 pacotes de lenço umedecido e 1 caixa de lápis.

Essa meta foi definida a partir da votação de um animal, feita pelos alunos, para representar o 2º ano, com base nos estudos já trabalhados em sala de aula. Os alunos usaram o peso desse animal como meta de arrecadação dos alimentos. O animal escolhido foi a vaca, que pode chegar a 430 quilos, sagrada na Índia, e fornece o leite e a carne para os seres humanos.

A campanha “Matemática do Bem” é uma forma de promover e estimular a solidariedade, além de trabalhar a interdisciplinaridade dos conteúdos estudados. A Escola Parque parabeniza os alunos pelo engajamento e agradece a todos que ajudaram nessa campanha.

Escola Parque promove entendimento entre as pessoas

A Escola recebeu o jornalista Pedro Dória, na segunda edição do evento ESCOLA PARQUE DE PORTAS E MENTES SEMPRE ABERTAS, que falou sobre o tema “O jovem e o futuro profissional inimaginável”, dando continuidade à série de painéis sobre temas relevantes para a sociedade. Ele também trabalha na Rádio CBN, é autor de livros, palestrante e colunista em alguns dos principais jornais, como O Globo e Estadão. Pedro Dória é considerado um dos maiores especialistas em digital da imprensa brasileira.

No encontro, Pedro Dória apresentou um estudo do Tempo com o objetivo de analisar toda a evolução, desde seus primórdios, frente aos principais fatos históricos que influenciaram o mundo, as relações sociais e as profissões. Ele contextualizou o momento em que estamos vivenciando, dando ênfase à velocidade em que tudo está evoluindo e como os jovens e crianças estão recebendo essa gama de informação.

Ele também falou sobre as profissões do futuro, fazendo referência a muitas profissões que foram extintas devido à rápida evolução tecnológica e social. Antes de finalizar o debate, foi aberto espaço para que os convidados pudessem fazer perguntas e considerações. Todo o evento foi transmitido ao vivo pelo Instagram da Escola Parque, @escolaparqueoficilal.